Chame no Whatsapp
Esconder

Digite sua pesquisa

ARTETERAPIA: cuidados com mães cuidadoras

ARTETERAPIA: cuidados com mães cuidadoras

Marilice participou de uma Mesa-redonda no 13º Congresso Brasileiro de Arteterapia – Camboriu/SC, em 2018.

O tema foi sobre Familiares de pessoas com deficiências psicossociais e o autocuidado. Viram máquinas, um trator, como disse uma mãe de um autista. E adoecem muito. Dores, pressão alta, fibromialgia, depressão, entre outras doenças crônicas compõem uma das contas para o SUS, os planos de saúde. Para os profissionais cuidadores chama-se burn-out – a exaustão do cuidador – e os aposenta, mas para quem é familiar e cuida isso não é considerado. Eles são os cuidadores invisíveis.

Marilice transcorreu sobre sua experiência como familiar na rede SUS e na particular, além de outros assuntos como a necessidade de moradias e de cuidados aos familiares em outro modelo. Sua experiência foi muito complicada. O descuido é muito grande e abandono esses familiares com a maior facilidade.

Nesse congresso ocorreu o lançamento do seu novo livroAs palavras e o cuidado: Arteterapia e Literatura, de Marilice Costi, editora Sana Arte, 2018.

Nenhum comentário

Add Sua opinião

Your email address will not be published.