Digite sua pesquisa

Empatia do cuidador e conforto ao idoso

Empatia do cuidador e conforto ao idoso

Como vamos ter alguém sob nossa responsabilidade se não formos capazes de perceber as suas necessidades? Se não tivermos a capacidade de nos colocar em seu lugar, não temos condições de cuidar.

Em umImagem autorizada - direitos autorais registrados - @MariliceCosti condomínio, vi um cuidador jovem e forte, que queria que uma senhora idosa fosse para o jardim do condomínio com a roupa que vestia em casa, onde o conforto térmico era melhor. Ela reclamava que sentia frio. Ela se negava a ir e ele a puxava. E ele lhe dizia que não, que estava quente. Ele vestia mangas curtas. Ela também. Eu ouvi o diálogo ao chegar ao hall do andar. Fiquei inquieta e disse ao moço, o cuidador:

– Coloque um casaco na minha amiga. A percepção da mulher em relação à temperatura é diferente da percepção dos homens. Se você sentir-se bem com a temperatura ambiental de 21ºC, ela só estará confortável com 23ºC. O metabolismo de um idoso é lento e ela sente frio de verdade. É precisa acreditar mais no que ela diz do que na sua própria percepção. Ao sentirmos frio poderemos contrair nossa musculatura e formar contraturas, pegar uma gripe e até uma pneumonia.

Mais tarde, conversei com a filha dessa senhora e, nos dias seguintes, aquela pessoa idosa, que tinha Alzheimer, não reclamou mais. Passou a vestir um casaco sempre que ia dar um passeio com o cuidador.

Se o cuidador não for empático, precisará desenvolver sua percepção ao adquirir conhecimento, sensibilidade e observação,  sinais daquele que cuida, saber se colocar em seu lugar.

A empatia é fundamental no cuidador.

 

Marilice Costi é arteterapeuta, arquiteta (foi docente em Conforto Térmico) e tem experiência no cuidado, orienta familiares e é escritora. Conheça aqui o seu trabalho nas 40 edições da revista O Cuidador como editora-chefe, e seus livros sobre o cuidado, na loja virtual.

COMUNIQUE-SE ATRAVÉS DO ESPAÇO ABAIXO, DEIXE SUA OPINIÃO EM NOSSOS REGISTROS. Obrigada

Nenhum comentário

Add Sua opinião

Seu endereço de e-mail não será publicado.